Em relação aos materiais recicláveis, distingue-se, p. ex., entre os resíduos de embalagens identificados com o ponto verde (Alemanha), Valpak (Inglaterra), embalagem ecológica (França) e mais 22 países europeus, os quais são recolhidos em sacos amarelos, tonéis ou recipientes recicláveis e os materiais recicláveis recolhidos pela administração municipal ou por de terceiros designados.

Essencialmente, são estes os resíduos de embalagens

  • papel
  • papelão
  • cartonado
  • vidro
  • Embalagens leves (embalagens de plásticos, metais e compósitos).  

O PROCESSO.

Nos sistemas de classificação da Sutco, os resíduos são separados em frações de materiais recicláveis por tecnologias de classificação mecânicas e automáticas. Com o uso de equipamentos mecânicos, tais como, rasga-sacos, peneiras rotativas (classificação por tamanho), separadores de ar (classificação por peso), separadores balísticos (classificação do 2D-leve e do 3D-pesado) e de equipamentos automáticos como separadores magnéticos (separação de metais ferrosos) e separadores por correntes de Foucault (separação de metais não ferrosos) e dos NIR (tecnologia ótica próxima ao infravermelho) os plásticos das embalagens são classificados.

MATÉRIAS-PRIMAS SECUNDÁRIAS VALIOSAS

Por combinação qualitativa dos equipamentos usados, é alcançado um elevado grau de pureza nos sistemas de classificação da Sutco e, com isso, é possibilitada a comercialização das frações classificadas limpas, as quais podem ser vendidas como matérias-primas secundárias de alto valor.